História dos Brinquedos

Brinquedo Trem AntigoDe modo geral, os brinquedos podem ser caracterizados como objetos de atividade lúdica, normalmente voltados para o lazer e associado às crianças.

Desde os tempos mais antigos os brinquedos desempenham um importante papel na vida das crianças. Ao longo do tempo, alguns se extinguiram, outros sofreram adaptações e aderiram à novidades, mas ainda hoje permanecem como a melhor opção de descontração e divertimento em qualquer fase da infância.

Atualmente os brinquedos são fabricados em larga escala e comercializados, porém até o final do século XIX grande parte deles eram produzidos artesanalmente ou fabricados em casa. Aqui você encontrará mais informações sobre a história e o surgimento de alguns desses brinquedos antigos que sobreviveram à gerações e até hoje encantam a garotada como o ioiô, o pião, a pipa e o futebol de botão.

A partir do início do século XX os brinquedos começaram a expandir seu papel comercial, e como consequência as crianças passaram a ser vistas como grandes consumidores em potencial. Isso provocou um grande crescimento do número de atividades voltadas a elas, com destaque para fabricantes e lojas de brinquedos. Nesse contexto, várias marcas tornam-se queridinhas entre as crianças, como as Bonecas Barbie, Bonecas Princesas Disney e os Carrinhos Hot Wheels. O sucesso dessas marcas é tão grande que ultrapassa a produção de bonecos e brinquedos, muitos já viraram, inclusive, filmes, estampam linhas de roupas, material escolar e acessórios infantis.

Tal crescimento fez com que, a partir da metade do século XX, vários países começassem a criar leis que proibissem a venda de brinquedos perigosos ou que não possuíssem avisos claros quanto às restrições, por exemplo. Essas leis também deram ao governo o direito de recolher aqueles brinquedos que não atendessem às especificações exigidas.

É também no século XX, que a evolução tecnológica chega aos brinquedos, provocando uma verdadeira revolução no modo de brincar com a invenção do Video Games e de outros Brinquedos Eletrônicos, que a cada ano ganham mais adeptos e ficam mais modernos.

Vale destacar que ao longo dos anos os brinquedos passaram a assumir um papel que vai além da simples diversão e passou a ser visto como estimulante para o desenvolvimento cognitivo da criança, que envolve uma série de habilidades como atenção, percepção, memória, raciocínio, juízo, imaginação, pensamento e linguagem. Muitos jogos de tabuleiro desempenham implicitamente essa função como o Jogo de Xadrez, Jogo de Dama, Jogo da Memória, Quebra-Cabeça e War.

Desse modo, surgem novas linhas especializadas que caminham lado a lado a pedagogia, é a categoria de Brinquedos Educativos que permitem apreender determinado assunto, ou estimular alguma área do cérebro, enquanto divertem as crianças, ajudando no desenvolvimento social e simbólico, exercitando a imaginação e a capacidade de raciocínio. É o caso do Ábaco, Fantoches e Brinquedos de Encaixe.

A psicologia infantil, nesse caso, apoia e incentiva o uso de brinquedos, jogos e brincadeiras no espaço escolar, pois já é mais do que comprovado que esses auxiliam no desenvolvimento emocional e intelectivo da criança, contribuindo também para a convivência em grupo. Leia mais na página Brinquedos e Educação Infantil.

Brinquedos <<-- História dos Brinquedos -->> Bonecas de Brinquedo

Topo